Instagram
Voltar

NOTÍCAS / COLUNAS / ENTREVISTAS

MAIS COLUNAS

Anterior Próxima

Levando na onda

25/08/2012 -

Por Christiane Alves

Prazer e trabalho compõem a fórmula perfeita para o professor de surfe e stand up paddle Fábio Andrade Silva, 35 anos, do Rio de Janeiro. Invejado por muitos, ele conseguiu aliar hobby e profissão e hoje vive de dar aulas de surfe a jovens e crianças nas praias da cidade maravilhosa.

 

Estrela Náutica - Como você se envolveu com o surfe?

Fábio Andrade Silva - Começou como uma brincadeira quando adolescente, aos 13 anos. Eu e a minha turma ficamos tão viciados em surfar que ficávamos na porta de casa às 4h30 da manhã esperando uns aos outros para irmos juntos à praia. Depois de muitos anos, a convite de um amigo, comecei a ajudá-lo em sua escola de surfe. Tempos depois, montei minha própria, onde trabalho até hoje.

 

Estrela Náutica - Você realiza algum outro trabalho paralelo?

Fábio Andrade - Sim, mas todos com alguma relação aos esportes. Além da escola de surfe no Arpoador, temos dois pontos de stand up paddle, em Ipanema e em Copacabana, e o nosso site (www.surfrio.com.br), que dá a previsão de ondas com fotos das condições do mar na zona sul do Rio de Janeiro e notícias do surfe e do stand up paddle. Para conciliar tudo dependo de uma equipe, sem ela eu não conseguiria. Na parte de stand up paddle, somos eu, meu sócio Eduardo Laucas e Saulo Pereira; no surfe, eu, Fillipe Fairich e Rafael Tambasco; e no site, Gabriel Palmeira.

 

Estrela Náutica - Quais as suas dicas para quem quer se iniciar no surfe?

Fábio Andrade - É altamente recomendável começar com orientação de um profissional qualificado. Se a pessoa resolver entrar sem conhecer bem o “pico” (local da praia onde há condições para o surfe), ela deve pelo menos pedir orientação de uma pessoa mais experiente e sempre observar o mar antes de entrar, mesmo que as ondas estejam pequenas. O instrutor é de extrema importância para iniciantes porque dá todas as dicas necessárias para que não haja acidentes e para que o aluno obtenha êxito. O tamanho da prancha, a forma de remar e subir na prancha, a escolha da onda e a colocação certa dentro do mar são orientações essenciais e fazem toda a diferença na prática do surfe ou do stand up paddle.

 

Estrela Náutica - No Brasil, quais os melhores lugares para surfar?

Fábio Andrade - São muitos em todo o Brasil. Lembrando que cada praia fica boa para o surfe sob determinada condição de maré, vento, corrente etc. Infelizmente as praias não são como máquinas de ondas que estão sempre produzindo boas ondas.

 

Estrela Náutica - Você gosta de outros esportes? O futebol, por exemplo?

Fábio Andrade - Amo os dois esportes, na verdade. Quase fui jogador de futebol, mas acho que não seria dos melhores. Fiz testes no Flamengo; passei, mas minha mãe não deixou que eu continuasse por causa da escola.

 

Estrela Náutica - O stand up paddle é mais fácil?

Fábio Andrade - É, por oferecer menos impacto, menos esforço e a prancha ser bem maior que a do surfe, o stand up paddle permite que a pessoa se equilibre com mais facilidade e possa remar em pé. O público que pode praticar esse esporte é também mais amplo que no surfe. Sem falar que o stand up paddle pode ser praticado mesmo quando o mar está sem ondas. Hoje, é o esporte aquático que mais cresce no Brasil.


Pagamento

Pagseguro UOL

Desenvolvimento

Desenvolvido por BR Web Design

ESTRELA NÁUTICA - Todos os direitos reservados

No Estrela Náutica, você vende ou compra a sua embarcação e tem acesso a um universo de informação, com fotos e vídeos das mais belas imagens. A seção Guia de Empresas traz os nomes do mercado que fornecem serviços, acessórios e produtos. Em Notícias, você encontra tudo sobre o mercado e a indústria náutica. Já em Esportes Náuticos, aprecie as modalidades mais praticadas e seus campeonatos principais. Novidades e eventos do ramo estão em Fique por Dentro. Na seção Colunas, entrevistas com profissionais do setor e entusiastas, que expõem seus conhecimentos e compartilham dicas excelentes. E para os marinheiros, de primeira viagem ou mais experientes, vale a pena conferir o Manual do Navegante.

O portal também proporciona a experiência de conhecer locais incríveis para navegar pelo Brasil. Com apenas alguns cliques na seção Onde Navegar, você ganha mais intimidade com os melhores pontos turísticos do País e seus estabelecimentos de qualidade.