Instagram
Voltar

NOTÍCAS / COLUNAS / WAKESURF

One Hand Grab Air Fonte: Anne Prochaska
  • Fire Hydrant Fonte: Anne Prochaska
  • Fire Hydrant Fonte: Anne Prochaska
  • Hang five Fonte: Anne Prochaska
  • Hang five Fonte: Anne Prochaska
  • Lip slide Fonte: Anne Prochaska
  • Posing Fonte: Anne Prochaska
  • Posing Fonte: Anne Prochaska
  • Posing Fonte: Anne Prochaska
  • Rail Grabs Fonte: Anne Prochaska
  • Tail Slide Fonte: Anne Prochaska
  • Aéreo Fonte: Anne Prochaska

MAIS COLUNAS

Anterior Próxima

Manobras de Campeonato

15/08/2013 -

Neste post, estou colocando uma lista de manobras que são homologadas pela Associação Mundial de Wakesurf.

As manobras estão listadas em ordem de dificuldade e algumas só podem ser realizadas com a prancha adequada: surf ou skin.

Pumping - Forçar a prancha para cima e para baixo rapidamente para ganhar velocidade.

Stall - Forçar o pé de traz para que a prancha perca velocidade.

Floater - Quando o rider e a prancha flutuam no lip da onda por algum tempo de maneira controlada.

Lip slide - Como se fosse um floater, porém fazendo com que a prancha ande de lado escorregando no lip da onda.

Batida - Ir de encontro a onda e fazer uma virada rápida e agressiva com mudança de direção.

Fire Hydrant - colocar a mão na prancha e tirar o pé da frente da prancha e colocá-ló para trás.

Posing - Colocar mão e corpo em posições diferentes para ganhar pontos por cool style. Há muitas variações de "Posing" misturadas com "Fire Hydrant" que valem pontos.

Hang five - Rider estende o pé da frente até o bico da prancha e quanto mais na frente mais pontos vale.

Rail Grabs - Segurar na borda da prancha com uma ou com as duas mãos durante as manobras aproveitando as variações possíveis e aumentando as dificuldades conforme a manobra.

Paddle back in - Ir bem para a parte de trás da onda (espuma) e conseguir retornar para zona de manobras.

Tubo - Agachar e entra no tubo da marola até ficar totalmente coberto pela onda.

Switch Stance - Surfar com a base trocada.

180 spin - Virar 180º na marola (rider e prancha). O 180º regular é mais fácil que o blind.

Airs (aéreo) - Voar acima do lip da onda (off the lip) e voltar surfando (toeside ou heelside).

One Hand Grab Air - Segurar na borda da prancha durante o aéreo. Cada variação de grab vale pontos diferentes.

Double Grab Air - Segurar a borda da prancha com as duas mão durante o aéreo.

360 spin - Virar 360º na marola (rider e prancha). O 360º regular é mais fácil que o blind que é considerado uma manobra extremamente avançada.

540 spin - Rider e prancha viram 1 volta e meia até que o rider siga surfando de base trocada (stance forward). No surf style, está é uma manobra muito difícil e vale muitos pontos.

720 spin - Rider e prancha viram duas voltas completas. No surf style, está também é uma manobra muito difícil e também vale muitos pontos.

180 air - Fazer um 180º no ar e seguir de base trocada com as quilhas para frente.

180 shuv-it - Fazer com que somente a prancha vire 180º abaixo dos seus pés, seguindo com a rabeta para frente (backwards).

360 shuv-it - Fazer com que somente a prancha vire um 360º abaixo dos seus pés, seguindo normalmente com o bico para frente.

Big Spin - Como o 360º shuv-it, porém com o rider virando 180º ao mesmo tempo em que a prancha faz um 360º.

Keep Surfing!
Anne Prochaska


Pagamento

Pagseguro UOL

Desenvolvimento

Desenvolvido por BR Web Design

ESTRELA NÁUTICA - Todos os direitos reservados

No Estrela Náutica, você vende ou compra a sua embarcação e tem acesso a um universo de informação, com fotos e vídeos das mais belas imagens. A seção Guia de Empresas traz os nomes do mercado que fornecem serviços, acessórios e produtos. Em Notícias, você encontra tudo sobre o mercado e a indústria náutica. Já em Esportes Náuticos, aprecie as modalidades mais praticadas e seus campeonatos principais. Novidades e eventos do ramo estão em Fique por Dentro. Na seção Colunas, entrevistas com profissionais do setor e entusiastas, que expõem seus conhecimentos e compartilham dicas excelentes. E para os marinheiros, de primeira viagem ou mais experientes, vale a pena conferir o Manual do Navegante.

O portal também proporciona a experiência de conhecer locais incríveis para navegar pelo Brasil. Com apenas alguns cliques na seção Onde Navegar, você ganha mais intimidade com os melhores pontos turísticos do País e seus estabelecimentos de qualidade.