Instagram
Voltar

NOTÍCAS / ESPORTES NÁUTICOS

Paulista Sidney Guimarães Fonte: Bruno Lemos/Liquid Eye
  • Alemão Nic Von Rupp e o tubo que rendeu um 9.93 Fonte: Brian Bielmann
  • Havaiano Kawai Lindo e a razão de sua nota 10 Fonte: Tom Carey
  • Tábua de maré

MAIS ESPORTES NÁUTICOS

Anterior Próxima

Uma bela atuação de Sidney Guimarães encerrou o primeiro dia do Volcom Pipe Pro

01/02/2013 -

O Volcom Pipe Pro, etapa que abre oficialmente a temporada 2013, começou no dia 31 de janeiro após três dias de espera, com ondas de cinco a sete pés na bancada de Banzai Pipeline, Havaí. A competição conta com nomes como do top John John Florence, dos big riders Alex Gray e Ian Walsh, e dos brasileiros Jessé Mendes, Ricardo dos Santos, Jano Belo, Bino Lopes, Ian Gouveia, entre outros que buscam seus primeiros pontos na temporada.

Em ondas demoradas de até 2,5 metros e formação regular, o paulista Sidney Guimarães encerrou o primeiro dia da competição com um bela atuação. Foram dois belos canudos de backside que renderam notas 8.00 e 4.83. A segunda nota só não foi maior, porque teve uma queda no final, quando estava prestes a sair do canudo.

Na mesma bateria, o havaiano Koa Rothman, filho do lendário local Fast Eddie, conquistou a segunda vaga e eliminou os pernambucanos Ian Gouveia e Kiron Jabour, este último naturalizado havaiano.

Sidinho foi o único brasileiro que obteve bons resultados. Antes da estréia vitoriosa do surfista de Peruíbe, foram eliminados o paraibano Jano Belo e o baiano Bino Lopes. Em terceiro ficou outro havaiano, Alex Smith, eliminado junto com Jano Belo.

Jano precisou de uma nota abaixo de 2 pontos durante boa parte do tempo, mas não foi feliz nas poucas tentativas. O confronto teve pouquíssimas ondas com bom potencial e quem se deu bem foi o peruano Miguel Tudela, autor de 4.50 e 4.67, seguido pelo local Reef Mcintosh, que tinha 1.57 na primeira onda e conseguiu a segunda posição com 3.17.

Bino começou a bateria com muita atitude, encarando uma craca sem as mãos na borda da prancha. Porém, a esquerda fechou e ele ainda arrancou 4.33 dos juízes pela atitude.

A sorte estava ao lado do luso-alemão Nic Von Rupp. Embalado pelas sessões nas esquerdas de Mullaghmore, Irlanda, Nic encontrou um cilindro em Pipe e não desperdiçou. Com isso, obteve uma nota 9.93.

A partir daí, nenhuma onda perfeita quebrou na bateria e os outros atletas passaram a brigar por notas inexpressivas. O havaiano Pancho Sullivan levou a melhor no duelo pela segunda vaga, deixando Bino precisando de apenas 1.76. Em quarto ficou o norte-americano Chase Wilson.

Apesar das difíceis condições, a abertura do Volcom Pipe Pro contou com alguns momentos de perfeição em Pipeline. Além de Nic Von Rupp, autor de 9.93, o havaiano Kawai Lindo ganhou toda a atenção com um tubo nota 10 em Pipe, na bateria especial entre os locais.

Mesmo com a nota máxima, Kawai não conseguiu vencer a disputa e foi superado por JD Irons, primo de Bruce e Andy Irons. Para vencer o duelo, JD somou 5.93 e 9.00, deixando para trás Kawai, Mark Healey, Dave Wassel, Gavin Beschen e Tom Dosland.

A próxima chamada para avaliação das condições acontece nesta sexta, às 15:30 horas (horário de Brasília). O nono confronto da primeira fase do evento principal reúne os brasileiros Simão Romão e Krystian Kymerson e os havaianos Nathan Florence e Danny Fuller.

As baterias pendentes reúnem ainda os cariocas Jerônimo Vargas e Leandro Bastos. A fase seguinte marca a estreia dos principais cabeças-de-chave. Além de Sidney Guimarães, já classificado, entram em cena os estreantes Ricardo do Santos, Wiggolly Dantas e Jessé Mendes.


Redação: Estrela Náutica
Fonte:
Waves


 


Pagamento

Pagseguro UOL

Desenvolvimento

Desenvolvido por BR Web Design

ESTRELA NÁUTICA - Todos os direitos reservados

No Estrela Náutica, você vende ou compra a sua embarcação e tem acesso a um universo de informação, com fotos e vídeos das mais belas imagens. A seção Guia de Empresas traz os nomes do mercado que fornecem serviços, acessórios e produtos. Em Notícias, você encontra tudo sobre o mercado e a indústria náutica. Já em Esportes Náuticos, aprecie as modalidades mais praticadas e seus campeonatos principais. Novidades e eventos do ramo estão em Fique por Dentro. Na seção Colunas, entrevistas com profissionais do setor e entusiastas, que expõem seus conhecimentos e compartilham dicas excelentes. E para os marinheiros, de primeira viagem ou mais experientes, vale a pena conferir o Manual do Navegante.

O portal também proporciona a experiência de conhecer locais incríveis para navegar pelo Brasil. Com apenas alguns cliques na seção Onde Navegar, você ganha mais intimidade com os melhores pontos turísticos do País e seus estabelecimentos de qualidade.