Instagram
Voltar

NOTÍCAS / ESPORTES NÁUTICOS

Volcom Fiji Pro 2013 - Claudbreak Fonte: VFP day1 - Bielmann-ASP
  • Volcom Fiji Pro 2013 - Claudbreak Fonte: VFP day1 - Bielmann-ASP
  • Volcom Fiji Pro 2013 - Claudbreak Fonte: VFP day1 - Bielmann-ASP
  • Volcom Fiji Pro 2013 - Claudbreak Fonte: VFP day1 - Bielmann-ASP
  • Volcom Fiji Pro 2013 - Claudbreak Fonte: VFP day1 - Bielmann-ASP
  • Volcom Fiji Pro 2013 - Claudbreak Fonte: VFP day1 - Bielmann-ASP
  • Volcom Fiji Pro 2013 - Claudbreak Fonte: VFP day1 - Bielmann-ASP

MAIS ESPORTES NÁUTICOS

Anterior Próxima

Volcom Fiji Pro teve início nesta terça-feira e o wildcard Mitch Coleborn foi destaque

04/06/2013 -

Hoje foi um dia primeiro dia épico para as competições do Volcom Fiji Pro. As ondas em Claudbreak estavam em torno de 4 a 6 pés (1,2 a 1,8 metros), próximas das condições perfeitas.

O dia começou com o VQS Global Champs e os jovens foram tratados com algumas das ondas mais incríveis. Os destaques do dia ficaram por conta de Miguel Tudela (Peru), Jordan Lawler (AUS) e Tom Cloarec (FRA), que marcou 10 pontos surfando um longo tubo em Cloudbreak.

Depois de testemunhas a qualidade das ondas e surfar durante o round 1 do VQS, era hora de começar o grande evento. O wildcard Mitch Coleborn arrancou dos juízes 19,33 pontos, a nota mais do dia com um perfeito 10 e um 9,33.

Em breve, fotos, resultados e mais informações a respeito do evento. Confira o vídeo postado hoje.

A espera

A previsão é de grandes ondas para os próximos dias nas Ilhas Fiji, mas no domingo, o mar ainda estava pequeno para o início do Volcom Fiji Pro. O “day off” foi decretado logo na primeira reunião da comissão técnica e o fato se repetiu na segunda-feira, com a próxima chamada sendo marcada para as 7h00 da terça-feira em Fiji. O quarto desafio do ASP World Tour 2013 tem prazo até o dia 14 para ser realizado nos tubos de Cloudbreak ou Restaurants em um dos lugares mais paradisíacos do mundo.

A competição pelo título mundial

Com o vice-campeonato no Billabong Rio Pro semanas atrás no Rio de Janeiro, Adriano de Souza assumiu a dianteira na corrida do título mundial da temporada e começa a defender a liderança do ranking na quarta bateria do Volcom Fiji Pro. Seus adversários na disputa pela classificação direta para a terceira fase são o catarinense Alejo Muniz e o australiano Mitchel Coleborn, que vem de vitória no Quiksilver Saquarema Prime apresentado pela Coca-Cola nas grandes ondas da Praia de Itaúna.

Devido à contusão nas costas quando brincava com sua filha na sexta-feira do ASP Prime de Saquarema, o carioca Raoni Monteiro cancelou sua participação nesta etapa e será substituído por Heitor Alves no sexteto verde-amarelo nas Ilhas Fiji. O cearense marca a estreia do Brasil no Volcom Fiji Pro, entrando na terceira bateria com o atual campeão mundial Joel Parkinson e o também australiano Matt Wilkinson. Depois, tem o paulista Miguel Pupo fazendo sua primeira apresentação junto com o onze vezes campeão mundial Kelly Slater e o surfista local de Fiji, Aca Lalabalavu.

Nesta primeira rodada, o vencedor avança direto para a terceira fase e os perdedores têm uma segunda chance nos duelos homem a homem da repescagem. Slater defende o título do Volcom Fiji Pro, conquistado na final contra o paulista Gabriel Medina no ano passado. Medina estreia no confronto seguinte com o australiano Kai Otton e o havaiano Dusty Payne. E na nona bateria, o estreante da seleção brasileira do WCT, Filipe Toledo, enfrenta dois australianos, Josh Kerr e Adam Melling.

Transmissão ao vivo
www.volcomfijipro.com

Mais informações
www.aspsouthamerica.com

Primeira fase do Volcom Fiji Pro

1ª bateria: Jordy Smith (AFR), Sebastian Zietz (HAW), Fredrick Patacchia (HAW)
2ª: Taj Burrow (AUS), Travis Logie (AFR), Yadin Nicol (AUS)
3ª: Joel Parkinson (AUS), Matt Wilkinson (AUS), Heitor Alves (BRA)
4ª: Adriano de Souza (BRA), Alejo Muniz (BRA), Mitchel Coleborn (AUS)
5ª: Mick Fanning (AUS), Damien Hobgood (EUA), Alex Gray (EUA)
6ª: Kelly Slater (EUA), Miguel Pupo (BRA), Aca Lalabalavu (FIJ)
7ª: Gabriel Medina (BRA), Kai Otton (AUS), Dusty Payne (HAW)
8ª: Julian Wilson (AUS), Bede Durbidge (AUS), Kieren Perrow (AUS)
9ª: Josh Kerr (AUS), Filipe Toledo (BRA), Adam Melling (AUS)
10: Michel Bourez (TAH), C. J. Hobgood (EUA), Glenn Hall (IRL)
11: Jeremy Flores (FRA), Nat Young (EUA), Kolohe Andino (EUA)
12: Adrian Buchan (AUS), John John Florence (HAW), Brett Simpson (EUA)

Top 22 do ASP World Tour 2013 – 3 etapas
01: Adriano de Souza (BRA) – 18.500 pontos
02: Jordy Smith (AFR) – 18.250
03: Mick Fanning (AUS) – 18.200
04: Kelly Slater (EUA) – 16.950
05: Taj Burrow (AUS) – 15.700
06: Nat Young (EUA) – 13.750
07: Filipe Toledo (BRA) – 12.150
08: Joel Parkinson (AUS) – 11.500
09: Michel Bourez (TAH) – 11.000
10: Gabriel Medina (BRA) – 10.000
11: Adrian Buchan (AUS) – 9.700
12: Julian Wilson (AUS) – 8.700
12: Bede Durbidge (AUS) – 8.700
12: Kai Otton (AUS) – 8.700
12: Sebastian Zietz (HAV) – 8.700
16: Josh Kerr (AUS) – 7.500
16: Jeremy Flores (FRA) – 7.500
16: C. J. Hobgood (EUA) – 7.500
19: Travis Logie (AFR) – 6.250
19: Brett Simpson (EUA) – 6.250
21: Matt Wilkinson (AUS) – 6.200
22: Willian Cardoso (BRA) – 5.700
————outros brasileiros:
23: Raoni Monteiro (BRA) – 5.000 pontos
26: Alejo Muniz (BRA) – 4.000
29: Miguel Pupo (BRA) – 2.750

Redação Estrela Náutica
Fonte:
Assessoria de imprensa


Pagamento

Pagseguro UOL

Desenvolvimento

Desenvolvido por BR Web Design

ESTRELA NÁUTICA - Todos os direitos reservados

No Estrela Náutica, você vende ou compra a sua embarcação e tem acesso a um universo de informação, com fotos e vídeos das mais belas imagens. A seção Guia de Empresas traz os nomes do mercado que fornecem serviços, acessórios e produtos. Em Notícias, você encontra tudo sobre o mercado e a indústria náutica. Já em Esportes Náuticos, aprecie as modalidades mais praticadas e seus campeonatos principais. Novidades e eventos do ramo estão em Fique por Dentro. Na seção Colunas, entrevistas com profissionais do setor e entusiastas, que expõem seus conhecimentos e compartilham dicas excelentes. E para os marinheiros, de primeira viagem ou mais experientes, vale a pena conferir o Manual do Navegante.

O portal também proporciona a experiência de conhecer locais incríveis para navegar pelo Brasil. Com apenas alguns cliques na seção Onde Navegar, você ganha mais intimidade com os melhores pontos turísticos do País e seus estabelecimentos de qualidade.